Bares protestam contra medida inútil

Dezenas de donos de bares e restaurantes de Salvador fizeram uma carreata de protesto na manhã desta quarta-feira, no Centro Administrativo da Bahia. Eles reclamam do decreto estadual que proíbe a venda de bebidas alcóolicas no fim de semana em todo o estado.

O protesto começou na frente da Procuradoria-Geral do Estado e seguiu até a Governadoria. O segmento é um dos mais prejudicados com as medidas tomadas pelo governador Rui Costa (PT), mesmo sem nenhum estudo que indique qualquer eficiência delas contra o coronavirus. Em mais de um ano, não tiveram qualquer efeito na pandemia.

O pessoal de bares e restaurantes já tinha feito outros protestos, em outubro e em dezembro, contra as restrições decretadas pelo Estado e a Prefeitura da capital. Na época, eles só podiam funcionar até às 17h, o que deixou os bares do Rio Vermelho, por exemplo, às moscas. Em março, voltaram a protestar.

Nesta quarta, os donos dos estabelecimentos reclamaram de ter que fechar às 19h e, principalmente, da proibição de vender bebidas durante todo o fim de semana. Eles explicam o óbvio ignorado pelo Governo do Estado: é inútil abrir bares e restaurantes sem poder vender cerveja.

17:54  |  


Muito esforço foi feito para produzir estas notícias. Faça uma doação para repor nossas energias. Qualquer valor é bem vindo.