a regiao
booked.net
malha fina

12.Junho.2021

Ensinando maldades

Eterna braço (gordo) direito do ex-prefeito ladrão, a Cruella Rotunda está tendo que se virar, agora que não tem mais a farra de grana da Prefeitura. Lançou curso de política para "ensinar" a ganhar eleições. Resta saber se tambem conta como mandar matar jornalista...

Falso ortopedista

Alguém precisa interpelar o senador Otto Alencar por crime de falsidade ideológica e mentir na CPI. Otto se apresenta como ortopedista, mas não é nem nunca foi. Uma simples consulta ao Cremeb e ao CFM mostra que Otto não tem essa especialidade reconhecida.

Vem ai um tsunami federal

Depois do anúncio de que duas desembargadoras presas na Operação Faoreste vão fazer delação premiada, a venda de calmantes explodiu na Bahia. No sul da Bahia, tem gente almoçando Rivotril para não surtar de vez, de ex-prefeitos a empresários do mal.

Jogo de empurra

estacionamento Quando a nova ponte de Ilhéus foi entregue, o projeto estava incompleto. Faltava construir os estacionamentos na área do entorno. O estado alegou que sua parte terminava ali e a responsabilidade era da Prefeitura. Questionado, o prefeito Marão prometeu fazer ainda em 2020.

Projeto inacabado

O tempo passou, já estamos no meio de 2021 e Marão jogou o assunto para debaixo do tapete. Finge que não é com ele e torce para os ilheenses esquecerem dos estacionamentos. Mas a cobrança continua e uma hora Marão vai ter que fazer o que já devia estar pronto.

Matemática criativa

O PT sempre foi criativo na matemática, seja nas declarações insanas de Dilma, seja no "dinheiro não contabilizado" que enriqueceu seus líideres. Mas o governador Rui Costa inovou ao decretar que o dobro de 32 é 18. Sim, para ele, uma estrada de 18km "duplica" uma de 32km.

Quando 2+2 são 1,5

Esta é a diferença entre o projeto prometido de duplicação, de Itabuna até Ilhéus (32km), e o puxadinho que Rui prometeu (ninguém sabe se vai ser feito), que tem apenas 18km e para no Banco da Vitória, sem chegar a Ilhéus e sem ligar à BR-101. Como são criativos...

Grupo da trinca derrete

O grupo que procurava um nome de consenso para "perder para Neto" na eleição de governador em nome de PP, PT e PSD, está se desfazendo com rapidez. Se antes defendiam o nome do ex-prefeito de Ilhéus Jabes Ribeiro, hoje cada um está indo para um lado.

Roma é saída para o PP

Tudo pela novidade João Roma, ministro em pasta "que gera voto", que deve ser o nome de Bolsonaro na Bahia. Vips do PP enxergam em Roma uma dobradinha com bastante chance, com João Leão saindo para o Senado na chapa. Leão sabe que, com o PT, não tem chance.

PT não valoriza aliados

O PT, arrogante como sempre, mesmo sendo nanico em prefeituras, quer mandar o grupo todo apoiar Wagner para o governo e Rui B. para o senado, deixando João Leão e Otto Alencar (PSD) na chuva. Leão não pode repetir a vice e Otto a considera um cargo inferior.

Chapa Jão Jão assusta

Se o PT não abrir mão, vai ver uma chapa Jão Jão de Roma e Leão, outra com ACM Neto. Se Otto ficar sem opções pode até continuar com o PT, na vice, mas seus seguidores não vão gostar nem um pouco da ideia. O PT tende a ter apoio só dos lacaios PSB e PCdoB.

Esporro de quem pode

Depois de devolver dois projetos de lei da Prefeitura para marcar território, o presidente da Câmara de Ilhéus, Jeba Moraes, deu coletiva botando panos quentes na história, elogiando Marão e a primeira-dama. Dizem que foi resultado de um "esporro" vindo de Salvador.

Obedece quem tem juízo

Jeba quer sair candidato a deputado pelo PSD, mas é o mesmo partido de Soane Galvão, esposa de Marão, que já definiu que todos os esforços do partido no município irão para ela. Segundo uma fonte, Jeba foi "aconselhado" a aprovar "o que Marão precisar".

Romaria até Roma

romaria Um encontro na fazenda do ministro João Roma deixou os petistas de cabelo em pé. Nome quase certo para disputar o governo da Bahia com apoio de Bolsonaro, ele recebeu uma romaria de prefeitos e deputados, entre eles o filho de Otto, Diego Alencar (PSD) e Niltinho (PP), na foto com Roberta Roma.

PT revela desespero

Um sinal de que João Roma já atormenta o PT da Bahia é a manobra do partido, em usar o senador Humberto Costa para pedir a convocação do ministro para "explicar" porque o Brasil vai sediar a Copa América. O PT está com medo do estrago que Roma fará em sua base "aliada".

Quem pode, manda buscar

Poder real é outra história. Se o pessoal não vem a João Roma, ele manda buscar. Já tirou da Prefeitura de Salvador (e de ACM Neto), o secretário Luiz Galvão, o assessor especial Tércio Brandão e agora o Procurador-Geral do município, Paulo Marcelo Aragão. Migraram para o ministério.

Base submissa

O senador Jaques Wagner declarou, em um encontro virtual, que vai manter "a base aliada unida". Claro, desde que o candidato a governador pela base seja ele e o ao senado seja Rui B. O fato de PSD e PP terem mais de 200 prefeituras e o PT 31 é só um detalhe.

Aspones do PT baiano

O fato de o PT ser hoje nanico no estado e visto como um simulacro de quadrilha pela sociedade parece não ter relevância alguma para Wagner. Para o ex-governador, o papel de Otto Alencar e João Leão é o de eternos coadjuvantes, "escadas" para o PT subir.

Índio de carnaval

Se os índios elegem um "índio" vereador, devem esperar que ele defenda as causas da tribo, certo? Bom, os de Ilhéus vão esperar sentados. Não só o "comunista" Cláudio Magalhães mostra falta de força na casa, como sequer apareceu na reunião que tratava da Sapucaeira.

Só anda na pressão

A reunião com a Prefeitura só aconteceu porque os índios e outros moradores do distrito bloquearam a BA-001 exigindo melhoria na estrada de acesso, há muito tempo intransitável. Pelo jeito, os índios elegem um representante e recebem um político qualquer...

O pesadelo de Otto

Toda vez que se fala em convocar alguém para explicar a compra de respiradores em loja de maconha, o senador Otto Alencar fica nervoso e dá piti. Qual será o medo de Otto em a CPI convocar Bruno Dausler, chefe da Casa Civil da Bahia delatado pela dona da empresa?

Operação mãos imundas

O senador Eduardo Girão, rara cabeça sensata nesta CPI circense, entrou com o pedido para convocar Dausler, acusado pela empresária de ter pedido para superfaturar o preço e contratar um amigo por R$ 400 mil como "intermediário". Não custa perguntar se Rui sabia e aprovava.

O mistério da festa fantasma

Durante entrevista no programa Mesa Pra 2, da rádio Morena FM, o presidente da Ficc, Aldo Rebouças, acabou revelando um dado muuuuiiiito curioso. Ao assumir a gestão, ele descobriu uma dívida referente a montagem de palco, som e luz durante o ano passado.

Perguntas na bilheteria

Lembrando que a Ficc não fez nenhum evento em 2020, nem mesmo interno, como é que se explica a contratação de palco, som e luz? Foi para alguma festa no Haras da Morte, do ex-prefeito Cuma? Foi farra na casa de praia de algum secretário? Ou foi fraude mesmo?

Dor de cabeça junina

O governador Rui Costa está certo em se preocupar com as festas juninas ilegais. Apesar de a maioria entender que deve festejar só em família, com cuidados, existe muita gente ignorante que só pensa em botar um paredão e fazer farra com aglomeração e muita bebida.

Teu passado te condena

É uma pena que Rui não tenha tido o mesmo bom senso quando liberou geral durante as eleições, deixando aliados fazerem passeatas, carreatas e aglomerações que obviamente fizeram a Covid, que estava em queda, voltar a explodir em dezembro e criar uma segunda onda.


Muito esforço foi feito para produzir estas notícias. Faça uma doação para repor nossas energias. Qualquer valor é bem vindo.

     


morena fm 98