MP vai investigar gasto do carnaval

O Ministério Público Estadual, vai apurar os gastos no carnaval antecipado de Itabuna e o possível uso de dinheiro público na contratação de atrações e estruturas para camarotes privados.

Documento entregue pelo vereador Jairo Araújo ao MP diz que há “fortes indícios” de improbidade administrativa. Segundo o vereador, todas as evidências indicam o uso de recursos públicos para benefíciar particulares. Várias fotos e prints foram anexados.

“A empresa que instalou a estrutura para os camarotes privados foi a mesma dos camarotes contratados pela prefeitura. Além disso, um dos camarotes privados tinha como parceiro o filho do prefeito, que é pré-candidato a deputado. Isso configura abuso de poder.” afirma Araújo.

O documento pede que, se confirmada as irregularidades, sejam adotadas as sanções da Lei de Improbidade Administrativa, que determina perda da função do agente público e suspensão dos direitos políticos.

Jairo Araújo diz que não é contra o carnaval, mas "não é possível que ao mesmo tempo que se realiza a festa tenha ainda servidores sem receber salário".

22:37   |