Presidente do PT de Itabuna é ignorado

De nada adiantou a resolução publicada pelo diretório do PT em Itabuna. Ela dizia que qualquer membro do partido que apoiasse ou entrasse no governo do prefeito Augusto Castro seria expulso. A decisão, ordenada pelo cacique Geraldo Simões e executada pelo presidente local, Jackson Moreira, foi ignorada pelos militantes.

Nesta segunda-feira Castro definiu que Manoel Porfírio (foto, à dir), único vereador do PT na cidade, será o líder do governo na Câmara. Porfirio se declarou honrado e já aceitou o convite. Além dele, outros filiados ao PT estão cotados para assumir cargos na prefeitura.

A posição do PT de Itabuna, de fazer oposição a um partido da base, o PSD de Augusto Castro, gerou críticas até dentro da agremiação. O deputado estadual Rosemberg Pinto atacou Jackson, afirmando que ele "não tem capacidade para ser presidente" do PT em lugar nenhum.

Rosemberg também ironizou dizendo que o presidente do PT local é um boneco de ventrículo, uma referência a Geraldo Simões, que manda no diretório há mais de 30 anos.

18:55  |  


Muito esforço foi feito para produzir estas notícias. Faça uma doação para repor nossas energias. Qualquer valor é bem vindo.